segunda-feira, 1 de janeiro de 2018

Sabonetes Artesanais para lembrancinhas Finas

Sabonetes Artesanais para lembrancinhas Finas Formatos de Doces ou Frutas 

Pode acreditar esse doce lindo não é o que parece
na verdade é um sabonete para lembrancinhas e vai ser fatiadp

Sabonetes para lembrancinhas Personalizados na caixinha

Sabonete artesanal bolo tipo torta Holandeza

Sabonete artesanal bolo tipo torta Holandesa
Já sendo fatiado p perfume também é uma delícia
tem que tomar cuidado para ninguém comer



domingo, 29 de novembro de 2015

Como fazer sabonetes - Peter Paiva

Como fazer sabonetes




Fonte Enviado em 3 de abr de 2008
http://www.fazerartesanato.com/
Aprenda a fazer Sabonete de chocolate e limão

sexta-feira, 4 de setembro de 2015

Sabonetes de coração em tubo "apaixonado"!

Feeds:
 
Posts
 
Comentários

Sabonetes de coração em tubo
Lindos e decorativos sabonetes em tudo para quem está apaixonado. O formato de coração dá um toque de romance todo especial
Você precisa de:
Para a 1ª etapa: 
Base glicerinada branca, 500 g 
Essência, 40 ml 
Pigmento vermelho, q/n 
Pigmento preto, q/n 
Fôrma de coração 
Fôrma de bolo inglês 
Para a 2ª etapa: 
Base glicerinada transparente, 500 g 
Essência, 40 ml 
Extrato vegetal, 30 ml 
Lauril líquido, 30 ml
1ss5
Passos
1
Derreta a base glicerinada e divida em duas partes. Na primeira metade, acrescente pigmento vermelho e 20 ml de essência. Misture para ficar homogêneo e despeje na fôrma de coração. Na outra metade, acrescente o pigmento preto, coloque mais 20 ml de essência e despeje na fôrma de bolo inglês. Depois que endurecerem, desenforme.
2
Corte, então, a base preta em tiras finas e compridas, e faça espirais. Para a montagem, coloque corações e espirais dentro do tubo, alternadamente, até atingir a borda.
3
A primeira etapa esta pronta. Agora, derreta a base glicerinada transparente, acrescente a essência escolhida, o extrato glicólico e o lauril. Misture tudo e despeje no tubo. 
Obs. Antes de despejar, deixe a mistura esfriar um pouco até que a temperatura esteja suportável ao toque. Do contrário, ela pode derreter os corações e as espirais que já estão dentro do tubo.
1ss5

Fonte:https://artesanatoehumordemulher.wordpress.com/sabonetes-de-corao-em-tubo-apaixonado/

segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Sabonete artesanal: passo a passo!


Aprenda a preparar sabonetes artesanais para tomar banho, perfumar a casa, dar de presente ou vender.

O sabonete garante a experiência de um banho confortável e delicioso. Além de perfumar a pele, ele também é responsável por fazer uma hidratação no dia a dia. Normalmente os sabonetes são industrializados e comprados em supermercados, mas também existe a possibilidade de fazê-los em casa.
610897 Sabonete artesanal passo a passo 1 Sabonete artesanal: passo a passo
Os sabonetes podem ser feitos em casa. (Foto:Divulgação)
4881344_vwI7h
Os sabonetes artesanais não servem apenas para tomar banho. Eles também representam uma ótima opção para presentear, oferecer como lembrancinhas em festas, decorar a casa ou perfumar as gavetas de roupas.
As barras de sabonetes feitas em casa  podem adotar diferentes cores, tamanhos e formatos. Também é possível fazer combinações de fragrâncias para obter um perfume exclusivo.
Entre as sugestões de essências para utilizar no preparo de sabonete artesanal, vale ressaltar: alecrim, camomila, manteiga de karité, lavanda, kiwi, hortelã, morango, lírios e laranja. Os cheiros normalmente se dividem em florais, cítricos e adocicados.
Muitos artesãos apostam na confecção de sabonetes artesanais como uma forma de gerar renda extra. As barras perfumadas podem ser preparadas a partir de ideias criativas e, depois, comercializadas.
4881344_vwI7h

Passo a passo do sabonete artesanal

610897 Sabonete artesanal passo a passo 2 Sabonete artesanal: passo a passo
O sabonete artesanal requer base glicerinada, corante e essência. (Foto:Divulgação)
Confira a seguir como fazer sabonete artesanal:
Materiais:
– 1 quilo de base glicerinada;
– 30 ml de essência;
– Corante alimentício;
– Lauril;
– Recipiente de vidro temperado;
– Conta-gotas;
– Álcool de cereais;
– Formas de silicone;
4881344_vwI7h
Como fazer o sabonete artesanal?
1. Derreta a base de glicerinada em banho-maria, usando um recipiente de vidro temperado e panela.
2. Depois de dissolver bem a base e deixa-la líquida, junte com o corante.
3. Mexa bastante a base glicerinada derretida, evitando assim a formação de uma nata.
4. Adicione a essência com a ajuda de um conta-gotas.
5. Para que o sabonete faça mais espuma, acrescente um pouco de lauril.
4881344_vwI7h
610897 Sabonete artesanal passo a passo Sabonete artesanal: passo a passo
Base glicerinada derretida sendo colocada nas formas. (Foto:Divulgação)
6. Coloque o sabonete nas forminhas e aguarde o tempo de secagem, que dura em média três horas.
7.  Desenforme os sabonetes com cuidado para não comprometer o formato. Em seguida, use um filme plástico para embalar e conservar.
4881344_vwI7h
Observação
Existe a possibilidade de acrescentar outros elementos ao sabonete e criar peças com a estética personalizada. O artesão pode, por exemplo, colocar uma pequena quantidade de base glicerinada na forma e acrescentar folhas, flores ou erva seca desidratada. Após um minuto, basta finalizar com uma nova camada de base derretida.  Se a intenção for variar as cores, então é necessário trabalhar com corantes diferentes no preparo.
sabonete caseiro também pode ser personalizado com decoupage ou semente de frutas.
http://www.mundodastribos.com/sabonete-artesanal-passo-a-passo.html
Fonte:https://artesanatoehumordemulher.wordpress.com/sabonete-artesanal-passo-a-passo-2/

sábado, 18 de julho de 2015

De produção artesanal de velas, sabonetes e ímãs a loja com 42 mil itens

Darlene Vigineski iniciou negócio em casa com peças de biscuit, que eram vendidas em lojas (Cleiton Borges)
A produção artesanal de velas, sabonetes e ímãs de geladeira decorados com biscuit, que há muitos anos é uma forma de se obter renda extra com o trabalho em casa, virou um negócio de sucesso para o casal Darlene Glória Vigineski e Flávio Antônio Basso. A iniciativa deu origem à loja Darlene Artesanato, que conta atualmente com 42 mil itens, e ocupa uma área de 700 m² na avenida Afonso Pena, no centro de Uberlândia.
O negócio começou em casa e em seis meses já gerava um faturamento mensal aproximado de R$ 7 mil. Hoje, com 12 anos de existência, a empresa tem um faturamento mensal superior a R$ 200 mil. “No início, trabalhávamos em três pessoas e, atualmente, estamos com 54 funcionários, temos duas lojas e uma fábrica de peças em MDF para atender os clientes da loja”, afirmou Flávio Basso.
A produção de velas, sabonetes e ímãs de geladeira foi o começo do negócio que a empresária Darlene Vigineski descobriu ao ler uma revista especializada na abertura de pequenas empresas. Ela fazia os ímãs decorados com motivos de frutas e o marido vendia as peças em lojas de variedades. “Os primeiros ímãs decorados foram vendidos em três lojas de utilidades domésticas do Centro, que fizeram encomendas de mais itens”, disse a empresária.
De acordo com o casal, três meses após o início da produção, eles receberam uma encomenda de 30 mil ímãs em formato de telefones fixos e celulares da então CTBC (hoje, Algar Telecom). “Com o lucro desta encomenda, a gente pagou a entrada da compra das instalações de uma marcenaria para produzir peças em MDF”, disse Basso.
Além de produzir as peças para vender, Darlene Vigineski passou a dar cursos em casa de decoração em biscuit. Os cursos foram uma segunda frente do negócio, uma vez que, além de ensinar, ela passou a vender aos alunos o material necessário para produzir as peças. “No começo, os produtos como cola, tintas, pincéis, entre outros ficavam expostos em um biombo.”
A empresária disse que ensinar passou a ser uma segunda etapa do negócio inicial e consolidou o crescimento. “Com a gente fornecendo o material, passou a ser mais interessante dar cursos do que produzir os itens para vender.” Segundo ela, cerca de 700 famílias vivem em Uberlândia com renda oriunda de artesanato e adquirem os produtos em sua loja.
Empresa tem marcenaria própria e vai abrir a terceira loja, em Goiânia
Com a compra das instalações de uma marcenaria, o casal Darlene Glória Vigineski e Flávio Antônio Basso, proprietários da Darlene Artesanatos, que já produzia diversos itens de decoração em biscuit, passou a fabricar peças em MDF usadas na decoração de quartos de bebês e de festas. Em 2005, em um espaço de 30 m², quatro funcionários produziam bandejas, coroas, caixas e até oratórios. Hoje a fábrica ocupa um espaço de 680 m² e conta com 12 funcionários.
Desde 2010, a empresa tem uma filial em Uberaba, também com 42 mil itens à venda. “A gente percebeu que, naquela cidade, não havia uma loja que oferecesse uma grande variedade de itens, o que nos motivou a abrir a filial”, disse Flávio Basso.
O empresário percebeu também um nicho de mercado em Goiânia e em junho deste ano vai abrir uma filial na capital goiana. “A loja vai ter um investimento de R$ 300 mil e vai contar com a mesma quantidade de itens que oferecemos em Uberlândia e Uberaba.”
Com o sucesso da loja Darlene Artesanato, uma referência em vendas de materiais para a produção de artesanatos em geral, Darlene Glória Vigineski e Flávio Antônio Basso resolveram investir também na internet e há oito anos passaram a ter um site de vendas. “A ideia surgiu porque a gente comprava muitos produtos pela internet e acreditamos que outras pessoas também poderiam comprar”, disse Darlene Vigineski.
Segundo ela, atualmente, o site representa 20% de todo o faturamento do negócio, oferece 7 mil itens e conta com quatro funcionários para atender à logística dos pedidos à entrega.

Fonte:http://www.correiodeuberlandia.com.br/cidade-e-regiao/de-producao-artesanal-de-velas-sabonetes-e-imas-a-loja-com-42-mil-itens/